sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Há 5 mil horas atrás

Vi minhas penas começarem a crescer.

Vi como a vida é frágil e a natureza poderosa.

Vi como o mundo é pequeno, lá de cima.

E como o infinito é grande.

Vi rio, lagoas, represas, mares e cachoeiras.

Vi morros, montanhas, serras, picos e cordilheiras.

Vi cidades crescerem e matas desaparecerem.

Vi pastos, plantações, queimadas e mineradoras.

Vi nuvens crescerem e se dissiparem.

Vi brisas e rajadas.

Vi raios e ouvi trovoadas.

Vi chuvas e tempestades.

Vi minha sombra sobre a nuvem.

Vi que ela é contornada por um arco-íris.

Vi o azul de um céu de inverno.

E a poluição abaixo da inversão.

Vi aves de rapina, condores e urubus-rei.

Vi andorinhas copulando em pleno voo.

Nunca mais vi uma harpia, nem um lobo-guará.

Todos eles me viram.

Vi a Mantiqueira, os Andes, os Alpes e a Canastra.

Vi o Pacífico, o Atlântico, o Mediterrâneo e o Índico.

Vi o Vale Sagrado e o do Paraopeba.

Vi todos os lados da Moeda.

Vi (mais de perto do que devia) cercas, postes, fios, árvores e telhados.

Vi helicópteros, balões, ultra-leves e planadores.

Acho que eles também me viram.

Não vi nada dentro das nuvens.

Vi a consagração de amigos e a resignação de outros.

Vi a resiliência de uns e a desistência de outros.

Vi os acertos de uns e os equívocos de outros.

Vi a paixão de todos.

Vi o avanço tecnológico.

Vi que a nossa mentalidade pouco evoluiu.

Vi o rendimento de nossas asas aumentarem.

Vi a segurança delas se esforçando para melhorar.

Vi a morte de perto, mais de uma vez.

Vi reservas abertos e outros que quase abriram.

Vi asas quebradas e outras fechadas.

Vi o chão rapidamente se afastando e igualmente se aproximando.

Vi o Pepê junto à minha asa.

Vi também o Calais e o Paulinho.

Vi amigos morrerem e seus filhos nascerem.

Vi o choro dos que compartilharam.

Vi que as causas dos acidentes continuam as mesmas.

Vi que nós mesmos somos os maiores responsáveis por eles.

Vi imprudência, imperícia e negligência.

Também vi a sorte sorrir.

Vi o romantismo dos novatos.

E a malícia dos veteranos.

Vi o arrojo dos jovens.

E a cautela dos mais experientes.

Vi isso tudo lá de cima.

Onde vejo o que verdadeiramente sou:

Um visionário.

Lucas Machado

terça-feira, 26 de abril de 2011

sábado, 5 de fevereiro de 2011

frases do voo

“Papagaio é a ave que mais fala e a que menos voa... (para os garganta
de plantão)“

“Voar é a segunda maior emoção do mundo conhecida pelo homem, pousar é a
primeira”.

''Parapente duro, nuvem mole, tanto fura até que bate...”

''Vôo à baixa altura, caminho pra sepultura”.

“A sustentação é uma flor colhida no jardim da velocidade”.

''Piloto bom é aquele que se aposenta” ·

“O bom piloto não é o que sai de uma situação de emergência, e sim o que
não entra em uma”.

''O piloto bom não é aquele que possui apenas excelentes
habilidades, porém o que faz uso de seu excelente julgamento, para nunca
precisar usar sua excelente habilidade''.

“Nunca deixe para trás o pouso que você vai precisar na frente!”

“Existe o piloto velho e o piloto audacioso, não o velho audacioso.”

“Não se espante com a altura do vôo, quanto mais alto mais longe do perigo!”

''Todo piloto começa a carreira com um saco chamado 'sorte', que
está cheio, e outro chamado 'experiência', que está vazio.

O segredo é você encher o saco da 'experiência' sem precisar esvaziar o
saco da 'sorte'“.

“As emergências para as quais você treina raramente acontecem. A
emergência para a qual você não treinou é a que pode matá-lo.”

''Cb no céu piloto no hotel''

“Aprenda com os erros dos outros. Você não viverá o suficiente para
errar como todos eles.”

“Três coisas que nunca são demais para os pilotos: cerveja, mulher e pouso.”

''É bem melhor estar aqui em baixo desejando estar lá em cima do
que estar lá em cima desejando estar aqui em baixo”.

''Decisões acertadas vêm com a experiência, e a experiência vem com
decisões erradas”.

''Lembre-se sempre que você pilota com a cabeça e não com as mãos.
Nunca permita que a situação leve você a algum lugar onde sua cabeça não
tenha
chegado cinco minutos antes”.

“A única diferença entre deus e um piloto é que deus não se acha piloto...”

''Quando você percebe que está ficando bom demais é melhor parar...de
pilotos bons, o cemitério está cheio...”